Outras formas de visualizar o blog:

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Produção artesanal ou artística, e meio ambiente

Torre da igrejinha de Mittenwald, Alemanha.  A igreja dá o tom à cidade e ao meio ambiente.
Torre da igrejinha de Mittenwald, Alemanha.
A igreja dá o tom à cidade e ao meio ambiente.




Grandes montanhas, solitárias e sublimes, que parecem convidar os homens para o recolhimento e a serenidade das mais altas contemplações.

Ao pé do sublime, num vivo e agradável contraste, sorri e floresce o gracioso: uma aldeinha de encanto quase convencional.

Nela se sente a pulsação compassada mas juvenil de uma vida cheia de paz, de pureza, de alegria e de atividade.

A um tempo sublime por seu significado e sua sobranceria, graciosa por sua harmonia e sua beleza.

Unindo, condensando em si e elevando a um plano superior todas as notas da paisagem da qual é ponto central, vê-se a igrejinha barroca.


Este quadro é, por exemplo, o da aldeia de Mittenwald, na Baviera, Alemanha.


Num contexto natural de sonho, um a cidadinha de sonho, arte, artesanato e música. Na sociedade orgânica, vida, progresso e natureza se harmonizam instintivamente.
Num contexto natural de sonho, um a cidadinha de sonho, arte, artesanato e música.
Na sociedade orgânica, vida, progresso e natureza se harmonizam instintivamente.
A cidade vive de uma atividade artesanal que exige todo um ambiente de harmonia.

Esta atividade, por seu turno é uma fonte de harmonia: os habitantes produzem violinos famosos no mundo inteiro.

O objetivo das presentes observações não é apenas mostrar aos internautas um panorama encantador, típico da católica Baviera.

Mas sim pôr em realce quanto convém à produção artesanal ou artística um ambiente de arte e de poesia.

Mittenwald: o museu do violino
Mittenwald: o museu do violino

Máxime quando é vivificado pela presença irradiante da Igreja.

Não será por falta disto que hoje se produzem nas grandes cidades super dinâmicas, super excitadas, super tumultuosas, verdadeiros monstros "artísticos"?



Plinio Corrêa de Oliveira,CATOLICISMO, dezembro de 1962




GLÓRIA CRUZADAS CASTELOS CATEDRAIS HEROIS ORAÇÕES CONTOS SIMBOLOS
Voltar a 'Glória da Idade MédiaAS CRUZADASCASTELOS MEDIEVAISCATEDRAIS MEDIEVAISHERÓIS MEDIEVAISORAÇÕES E MILAGRES MEDIEVAISCONTOS E LENDAS DA ERA MEDIEVALJOIAS E SIMBOLOS MEDIEVAIS

Um comentário:

  1. Como se desenvolveu a produção artesanal na Idade Média? PF

    ResponderExcluir

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus necessariamente os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.